In English
Foco Alemanha

Foco Alemanha

Celebrando o Ano da Alemanha no Brasil, o Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba em parceria com o Goethe-Institut, traz à Curitiba nove filmes que traçam um panorama da cidade de Berlim e das suas transformações desde os anos 20 até o século XXI. A Potsdamer Platz, praça que é um dos cruzamentos de trânsito mais intenso da Europa, aparece apenas em três filmes e em nenhum deles pode ser reconhecida. Ao mesmo tempo, os filmes selecionados representam uma visão de produção cinematográfica que, fora das trilhas demarcadas da dramaturgia convencional, busca novas formas artísticas de narrativa. A partir de meados do século XX, a assim chamada “Escola Berlinense” – de que fazem parte os cineastas Thomas Arslan, Christian Petzold, Valeska Grisebach e Tatjana Turanskyj, também representados nesta série – deu um novo impulso ao cinema alemão. Esta série homenageia a ela e a seus precursores.

 foco alemanha

Berlim – sinfonia de uma metrópole (Walter Ruttmann)
Alemanha | 1927 | HD | P&B | 62‘ | Documentário

People on sunday (Robert Siodmak, Edgar G. Ulmer)
Alemanha | 1930 | 35mm | P&B | 68‘ | Ficção

Born in ´45 (Jürgen Böttcher)
Alemanha | 1966 | 35mm | P&B | 94’ | Ficção

The all-around reduced personality – Outtakes (Helke Sander)
Alemanha | 1977 | 35mm | P&B | 98‘ | Ficção

Asas do desejo (Wim Wenders)
Alemanha | 1987 | HD | P&B/Cor | 128‘ | Ficção

Be my star (Valeska Grisebach)
Alemanha | 2001 | 35mm | Cor | 63’ | Ficção

Fantasmas (Christian Petzold)
Alemanha | 2005 | 35mm | Cor | 85‘ | Ficção 

The drifters (Tatjana Turanskyj)
Alemanha | 2010 | HD | Cor | 97’ | Ficção

In the shadows (Thomas Arslan)
Alemanha | 2010 | 35mm | Cor | 86’ | Ficção

II Seminário de Cinema de Curitiba

II Seminário de Cinema de Curitiba

tema DIFUSÃO

seminarioCom a ampla democratização do formato digital de captação e projeção de imagens em movimento, além da vulgarização da internet enquanto plataforma de difusão e comercialização de filmes, os principais desafios do realizador contemporâneo passam de alguma maneira pela questão de como e onde exibir seu trabalho. Outra questão que se coloca é o uso que se pode fazer dos filmes diante da imensa facilidade que se tem para difundi-los no espaço virtual. À luz destes desafios, a segunda edição do Seminário de Cinema de Curitiba realiza seis mesas de debates com agentes de vendas, programadores, curadores, realizadores e produtores de cinema.

Sábado 08/06 | CINEMA E EDUCAÇÃO
Participantes Anja Göbel (Cinemateca de Berlim) e Marcos Cordiolli (Fundação Cultural de Curitiba). Mediador Rafael Urban.
Local: Sesc Paço da Liberdade, Sala Cinepensamento
Horário: 14h

Domingo 09/06 | CURADORIA E PROGRAMAÇÃO
Participantes Kathrin Kohlstedde (Festival de Hamburgo), Bernard Payen (Semana da Crítica de Cannes), Lis Kogan (Semana dos Realizadores) e Sara Silveira (Dezenove Som e Imagem).
Mediador Rafael Urban.
Local: Sesc Paço da Liberdade, Sala Cinepensamento
Horário: 14h

Segunda 10/06 | MASTER CLASS COM PABLO GIORGELLI
Exibição do longa metragem argentino Las Acacias, seguida de aula máster com o diretor do filme. Mediador Aly Muritiba.
Local: Espaço Itaú de Cinema, sala 3
Horário: 14h

Terça 11/06 | WORKSHOP DE CINEMATOGRAFIA DIGITAL SONY – PRODUZINDO EM HD, 4K E ALÉM
Palestrante Erick Soares.
Mediador Aly Muritiba.
Local: Sesc Paço da Liberdade, Sala Cinepensamento
Horário: 14h

Quarta 12/06 | AGENTES DE VENDAS INTERNACIONAIS
Participantes Carole Moser (Elo Company) e Anne Wiedlack (M-Appeal).
Mediador Aly Muritiba.
Local: Sesc Paço da Liberdade, Sala Cinepensamento
Horário: 14h

Quinta 13/06 | LINGUAGEM, CRÍTICA E REALIZAÇÃO
Participantes Fábio Andrade (Revista Cinética) e Luiz Zanin (O Estado de São Paulo).
Mediador Paulo Camargo (Gazeta do Povo).
Local: Sesc Paço da Liberdade, Sala Cinepensamento
Horário: 14h

Garotas do ABC

Olhar Retrospectivo: Carlos Reichenbach

A morte repentina de Carlos Reichenbach, no dia 14 de junho de 2012, gerou, como é característico em momentos de perda aguda, uma purgação de sentimentos adormecidos no coração de muitos admiradores conquistados ao longo de uma vida que, precisamente naquele dia, completava 67 anos. Colegas de profissão, produtores, jornalistas, cinéfilos, o público composto por todos aqueles que de alguma maneira foram abraçados pela trajetória de Reichenbach, manifestaram um luto que se fazia tão mais presente porque representava a ausência de um homem de personalidade expansiva, humilde e franca, que destituía de si qualquer sentimento mesquinho de auto-importância para se entregar ao diálogo com o próximo, por mais desconhecido ou estranho que este lhe fosse. O problema, no entanto, é que os sentimentos de pesar, cujo grau de sinceridade ou pertinência não vem ao caso, parecem embaçar uma constatação evidente e que precisa ser recolocada – a de que se trata de um artista do primeiro escalão e que há um percurso de realização no cinema que nos permite afirmar isso com todas as letras. A mostra de oito longas-metragens que apresentamos no programa Olhar Retrospectivo: Carlos Reichenbach é, antes de tudo, a reiteração de que se faz necessário, ainda que de maneira parcial e eminentemente introdutória, conhecer mais a fundo e também, com sorte, se apaixonar pela obra legada por este grande cineasta.

olhar retrospectivoLilian M., relatório confidencial
Brasil | 1975 | 35mm | Cor | 90’ | Ficção

O império do desejo
Brasil | 1980 | 35mm | Cor | 95’ | Ficção

Filme demência
Brasil | 1986 | 35mm | Cor | 90’ | Ficção

Alma corsária
Brasil | 1993 | 16mm | Cor | 111’ | Ficção

Dois córregos – Verdades submersas no tempo
Brasil | 1999 | 35mm | Cor | 112’ | Ficção 

Bens confiscados
Brasil | 2004 | 35mm | Cor | 108’ | Ficção

Garotas do ABC
Brasil | 2004 | 35mm | Cor | 125’ | Ficção

Falsa loura
Brasil | 2007 | 35mm | Cor | 103’ | Ficção

Olhar itinerante

Olhar itinerante

olharitineranteO Olhar de Cinema, em parceria com o SESI-PR, Kinoarte e Aliança Francesa, promove a mostra “Olhar Itinerante”, uma ação que vai levar, durante o mês de junho, dez curtas-metragens a diversos espaços cedidos pelo sistema SESI/FIEP. O objetivo da ação é levar o cinema alternativo à regiões e públicos que não têm acesso a este conteúdo.


Os filmes foram selecionados pela Aliança Francesa e pelo Festival Kinoarte de Cinema e serão exibidos em Curitiba, Cascavel, Londrina, Maringá, Pato Branco e São José dos Pinhais. A entrada para todas as sessões é franca, com número limitado de espectadores.

 

Filmes do Festival Kinoarte de Cinema
“Funeral à Cigana” (SP), de Fernando Honesko;
“Incêndio” (RJ), de Karen Akerman e Miguel Seabra Lopes.
“Mauro Montezuma” (PR), de Yan Sorgi e EikSorgi;
“Porcos Raivosos” (PE), de Leonardo Sette e Isabel Penoni;

Filmes de animação franceses
“A QuoiÇaSertL’amour?”, de Louis Clichy;
“Berni’s Doll”, de Yan Jouette;
“La Chute de L’Ange”, de GeoffroyBarbel-Massin;
“ProgrammeduJour”, de Samantha Duris e LoïcTari;
“Premiere Voyage”, de GrégoireSivan.
“Tadeus”,de Philippe Jullien e Jean-Pierre Lemouland;

Locais e horários de exibição

- Curitiba – 07, 08 e 09 de junho às 19h
Centro Cultural Sistema Fiep – Sala Multiartes
Endereço: Av.Cândido de Abreu, 200 – Centro Cívico

- Curitiba – 12, 13 e 14 de junho às 16h
Centro Cultural Sesi Heitor Stockler de França
Endereço: Rua Mal. Floriano Peixoto, 458 – Centro

- Curitiba – 12, 13 e 14 de junho às 16h
Teatro Sesi no Portão
Endereço: Rua Pe. Leonardo Nunes, 180 – Portão

- Cascavel – 03, 05 e 07 de junho às 19h
Auditório Sesi Cascavel
Endereço: Rua Heitor Stockler de França, 161 – Jardim Maria Luiza

- Londrina – 12, 13 e 14 de junho às 19h
Centro Cultural Sesi/AML
Endereço: Praça Primeiro de Maio, 110 – Centro

- Maringá – 10,11 às 14h e 12 de junho às 16h
Auditório Sesi Maringá
Endereço: Rua Antonio Carniel, 499 – Zona 5 I Maringá

- Pato Branco – 07, 08 e 09 de junho às 19h
Teatro Sesi Pato Branco
Endereço: Rua Xingu, 833, n°200 – Amadori

- São José dos Pinhais – 6 e 13 de junho às 16h (público de escolas)
Centro de Vivência João Senegaglia – Teatro Sesi
Endereço: Rua XV de Novembro, s/n, esq. Av. Rui Barbosa – Centro

Seleção Oficial 2013 (Outros Olhares)

Seleção Oficial 2013 (Outros Olhares)

selecaooficial_2

Outros Olhares

Klip (Clip)
Dir. Maja Milos
Sérvia, 2012, 102’, Ficção

Los días (Los días)
Dir. Ezequiel Yanco
Argentina, 2012, 75’, Documentário

Nosilatiaj. La belleza (Beauty)
Dir. Daniela Seggiaro
Argentina, 2012, 83’, Ficção

Taboor (Taboor)
Dir. Vahid Vakilifar
Irã, 2012, 84’, Ficção
—Estreia na América do Sul—

Terra de ninguém (No man’s land)
Dir. Salomé Lamas
Portugal, 2012, 72’, Documentário
—Estreia na América do Sul—

Um fim do mundo (The end of the world)
Dir. Pedro Pinho
Portugal, 2013, 62’, Ficção
—Estreia na América do Sul—

Villegas (Villegas)
Dir. Gonzalo Tobal
Argentina/Holanda/França, 2012, 98’, Ficção

Viva viva (Viva viva)
Dir. Carolina Pfister
Brasil/EUA, 2012, 100’, Documentário

Zavtra (Tomorrow)
Dir. Andrey Gryazev
Rússia, 2012, 90’, Documentário

Seleção Oficial 2013

Seleção Oficial 2013

selecaooficial_2

Competitiva Internacional de Longa Metragem (International Feature Film Competition)

74 – Istiaadat Li Nidal (74 – The reconstitution of a struggle)
Dir. Raed Rafei e Rania Rafei
Líbano, 2012, 95’, Híbrido
—Estreia na América do Sul—

APE (APE)
Dir. Joel Potrykus
EUA, 2012, 86’, Ficção
—Estreia na América do Sul—

Boa Sorte, Meu Amor (Good Luck, Sweetheart)
Dir. Daniel Aragão
Brasil, 2012, 95’, Ficção

Cama de Gato (Cat’s Cradle)
Dir. Filipa Reis, João Miller Guerra
Portugal, 2012, 57’, Ficção/Documentário

Documentarian (Documentarian)
Dir. Ivars Zviedris
Letônia, 2012, 80’, Documentário
—Estreia na América do Sul—

Esse amor que nos consome (This love that consumes)
Dir. Allan Ribeiro
Brasil, 2012, 80’, Ficção

Halley (Halley)
Dir. Sebastian Hofmann
México, 2013, 83’, Ficção
—Estreia na América do Sul—

Leviathan (Leviathan)
Dir. Véréna Paravel, Lucien Castaing-Taylor
Reino Unido, 2012, 87’, Experimental
—Estreia no Brasil—

Los Mejores Temas (The greatest hits)
Dir. Nicolás Pereda
México, 2012, 103’, Híbrido

Posas (Shackled)
Dir. Lawrence Fajardo
Filipinas, 2012, 93’, Ficção
—Estreia na América do Sul—

Rocker (Rocker)
Dir. Marian Crisan
Romenia, 2012, 91’, Ficção
—Estreia no Brasil—

 

Competitiva Internacional de Curta Metragem (International Short Film Competition) 

Faillir (Struggle)
Dir. Sophie Dupuis
Canadá, 2012, 24’, Ficção
—-Estreia no Brasil—

Filme para poeta cego (Film for Blind Poet)
Dir. Gustavo Vinagre
Brasil, 2012, 25’, Documentário

Häivähdys elämää (Gates of Life)
Dir. Pekka Veikkolainen, Hannes Vartiainen
Finlândia, 2012, 6’, Híbrido
—Estreia na América do Sul—

Koala (Koala)
Dir. Daniel Remón
Espanha, 2012, 14’, Ficção
—Estreia no Brasil—

Les Lézards (The Lizards)
Dir. Vicent Mariette
França, 2012, 14’, Ficção
—Estreia na América do Sul—

Menino do Cinco (The boy at the five)
Dir. Marcelo Matos de Oliveira, Wallace Nogueira
Brasil, 2012, 20’, Ficção

Migrash (Court)
Dir. Dekel Nitzan
Israel, 2012, 11’, Ficção
—Estreia na América do Sul—

Misterio (Mystery)
Dir. Chema García Ibarra
Espanha, 2013, 12’, Ficção
—Estreia no Brasil—

Oh Willy… (Oh Willy…)
Dir. Emma De Swaef
Bélgica, 2012, 17’, Animação

Rockaway (Rockaway)
Dir. Melanie Schiele
EUA, 2012, 18’, Ficção
—Estreia na América do Sul—

Rubber Duckie (Rubber Duckie)
Dir. Henry Alberto
EUA, 2013, 16’, Ficção
—Estreia Mundial—

Xico + Xana (Xico + Xana)
Dir. Fakano
Portugal, 2012, 13’, Ficção
—Estreia na América do Sul—

אני חושב שזה הכי קרוב לאיך שהצילום נראה (I think this is the closest to how the footage looked)
Dir. Yuval Hameiri
Israel, 2012, 9’, Híbrido
—Estreia na América do Sul—

 

Competitiva Olhares Brasil de Longa Metragem

A Floresta de Jonathas (Jonathas´s Forest)
Dir. Sergio Andrade
Brasil, 2012, 99’, Ficção

Kátia (Kátia)
Dir. Karla Holanda
Brasil, 2012, 74’, Documentário

Mataram meu Irmão (They Killed my brother)
Dir. Cristiano Burlan
Brasil, 2013, 77’, Documentário

Matéria de Composição (The Composing Material)
Dir. Pedro Aspahan
Brasil, 2013,  82’, Documentário

O Exercício do Caos (The Exercise of Chaos)
Dir. Frederico Machado
Brasil, 2013, 90’, Ficção
—Estreia Mundial—

 

Competitiva Olhares Brasil de Curta Metragem

Animador (Carny)
Dir. Cainan Baladez, Fernanda Chicolet
Brasil, 2012, 20’, Ficção

Califa 33 (Califa 33)
Dir. Yanko Del Pino
Brasil, 2013, 25’, Documentário

Charizard (Charizard)
Dir. Leonardo Mouramateus
Brasil, 2012, 14’, Ficção

Laje do Céu (Sky Slab)
Dir. Leonardo França
Brasil, 2012, 15’, Experimental

Linear (Linear)
Dir. Amir Admoni
Brasil, 2012, 7’, Animação

O Duplo (Doppelgänger)
Dir. Juliana Rojas
Brasil, 2012, 25’, Ficção

Pouco mais de um mês (About a Month)
Dir. André Novais Oliveira
Brasil, 2013, 23’, Ficção

Quem tem medo de Cris Negão? (Who’s Afraid of Cris Negão?)
Dir. René Guerra
Brasil, 2012, 25’, Documentário

 

Novos Olhares (New Views)

A Batalha de Tabatô (The Battle of Tabatô)
Dir. João Viana
Guiné-Bissau, 2013, 78’, Ficção
—Estreia na América do Sul—

Cativeiro (Captivity)
Dir. André Gil Mata
Portugal, 2012, 64’, Documentário
—Estreia na América do Sul—

El Bella Vista (The Bella Vista)
Dir. Alicia Cano
Uruguai, 2012, 73’, Documentário

Mi amiga Bety (My friend Bety)
Dir. Diana Garay
México, 2012, 87’, Documentário
—Estreia na América do Sul—

Not In Tel Aviv (Not In Tel Aviv)
Dir. Nony Geffen
Israel, 2012, 82’, Ficção
—Estreia no Brasil—


Mirada Paranaense

Alteridade (Alterity)
Dir. João Menna Barreto
Brasil, 2012, 7’, Documentário

Bom Dia (Have a Nice Day)
Dir. Danilo Daher
Brasil, 2013, 16’, Ficção
—Estreia Mundial—

Morte de um Igual (Death of an Equal)
Dir. Arthur Tuoto
Brasil, 2013, 13’, Experimental
—Estreia Mundial—

O Castelo (The Castle)
Dir. Rodrigo Grota
Brasil, 2013, 15’, Ficção
—Estreia Mundial—

Vitória (Vitoria)
Dir. Eduardo Colgan
Brasil, 2013, 14’, Ficção
—Estreia Mundial—

Credenciamento de Imprensa até 17/05

Credenciamento de Imprensa até 17/05

Envie seu pedido até 17/05/13 somente através do preenchimento do formulário online. Não serão consideradas solicitações de credenciamento recebidas após esta data. Você será notificado sobre a situação do seu credenciamento até o dia 24/05/13.

–Credenciamento encerrado–

Inscrições Oficinas 2013

Inscrições Oficinas 2013

As oficinas ofertadas pelo Olhar de Cinema foram um sucesso ano passado. Programadas para acontecer em paralelo ao festival, elas tem o intuito de expandir e aguçar os sentidos de seus participantes para as mais variadas facetas do cinema e proporcionar uma experiência a mais durante os dias do festival.

Ano passado, a procura foi imensa e as oficinas foram um sucesso. Este ano, elas estão mantidas. Desta vez, as aulas serão no Memorial de Curitiba, na região central da cidade. As inscrições para as oficinas ocorreram de 03 a 24 de maio de 2013.

Inscreva seu projeto no 1º Lab Olhar de Cinema – Curitiba IFF / RPCTV

Inscreva seu projeto no 1º Lab Olhar de Cinema – Curitiba IFF / RPCTV

As inscrições para o 1° Lab Olhar de Cinema – Curitiba IFF / RPCTV deverão ser feitas no site www.olhardecinema.com.br até às 18 HORAS do dia 16 DE MAIO DE 2013. Para formalizar a inscrição o roteirista deve fazer o preenchimento do formulário on-line.

Podem se inscrever roteiristas residentes no Paraná e que tenham um projeto de curta metragem em etapa de desenvolvimento. Serão selecionados oito projetos que nos dias 10 e 11 de junho passarão por um processo de script doctoring com o roteirista David França Mendes. O resultado com os oito projetos selecionados será no dia 31 de maio de 2013.

–Inscrições encerradas–